Páginas

segunda-feira, 28 de maio de 2007

Cinco tipos de personalidades que você não quer em sua equipe

Há cinco tipos de membros de equipe de projeto que não queremos em nossos projetos - e que você não quer nos seus. Se você notar algumas dessas características abaixo em pessoas com quem você trabalha, você precisa agir para transformá-las em membros de equipe que todos os gerentes de projeto invejam.

O Cowboy: esta pessoa é selvagem e lunática. Cowboys não pensam duas vezes antes de incluir comentários inapropriados ao código, esconder ovos de Páscoa na aplicação, fazer remendos no escopo do projeto. Cowboys frequentemente são trabalhadores inteligentes e rápidos e gostam de ser criativos. Trabalhe com essas pessoas, estabelecendo regras e procedimentos, controle de qualidade, tal como revisões em pares, e conversas diretas sobre o que é permitido.

O Rato: o rato é uma pessoa tímida e retraída que precisa de sua instrução, aprovação e mão forte em cada ação que ela realiza. Ratos podem ser facilmente influenciados pelos membros da equipe, stakeholders, e pelos seus próprios medos de prosseguir no trabalho. Seu trabalho é ensinar os ratos a rugir construindo sua confiança e forçando-os a tomar decisões.

A Rocha: Duro, teimoso e difícil de mudar, esse é a Rocha. Rochas são as pessoas que geralmente tem anos de experiência e querem fazer as coisas à sua maneira porque é a maneira correta. São o tipo de pessoa que dizem, "Há duas maneiras de desenvolver uma aplicação: a minha maneira e a maneira correta - e elas são a mesma". Negocie com a Rocha para estabelecer um comando firme e segui-lo.

O Linguista: Linguistas adoram linguagem, e não sabem quando parar de falar. Suas conversas sem fim consomem tempo de projeto, de reuniões, e roubam tempo de outros desenvolvedores, que estão trabalhando em suas tarefas. Você tem que negociar com essas pessoas diretamente conduzindo-as à direção certa. Se um linguista perturbar a equipe de projeto, você tem que intervir ocasionalmente.

O Tio: Lembra do seu tio favorito? É o cara com todas as brincadeiras, estórias engraçadas e truques de mágica. Você adora o seu tio, mas não quer ele em seu projeto. Tios são normalmente trabalhadores rápidos e supõem que o resto da equipe trabalha tão rápido quanto eles. Dê a eles tarefas mais desafiadoras para garantir que eles não vão ficar entediados e começar a incomodar os ouvidos do restante da equipe.

Traduzido do livro SOFTWARE PROJECT MANAGEMENT FOR DUMMIES de Teresa Luckey e Joseph Phillips lançado em 2006 pela Wiley Publishing.

Nenhum comentário:

 
Creative Commons License
This work by Carlos Alberto P. Araújo is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Brasil License.